Indianices

Novembro 19, 2007

images.jpgRecomendo. Para quem gosta de romances históricos: a história verídica de Anita Delgado, uma bailarina espanhola de tertúlia do final do séc. 19 que aos 17 anos deslumbrou um rajá indiano ao ponto de este a tornar na sua marâni (princesa). Este “rei”, senhor de Kapurthala mas educado na Europa, insiste em modernizar e ocidentalizar o seu estado sem perder todas as ancestrais tradições dos siques, a sua religião. Apaixonado pela juventude, beleza e forte personalidade de Anita, rapariga de ascendência humilde, decide moldá-la no seu ideal de esposa: uma companheira com quem poderia deslumbrar todos e partilhar responsabilidades advindes do seu cargo, algo que não era possível com as suas outras 4 esposas indianas, demasiado submissas e presas à zenana (correspondente ao gineceu da antiga Grécia).

Muito bem escrito, o autor Javier Moro leva-nos ao coração da quente Índia dos principados dominada por uma Inglaterra rígida e distante, mostrando-nos as diferenças diametrais entre o ocidente e o oriente numa história fascinante de intrigas, amizade e paixão.

A ler de uma ponta à outra sem parar!!!

Anúncios

Não custa divulgar…

Novembro 19, 2007

www.animaisderua.org

Uma nova associação que ajuda a esterilizar animais de rua para minimizar o nº destes bichinhos nas ruas e a sua consequente vida em geral miserável…

Divulguem e ajudem!


“nove” sete “desgraças” das new7wonders@Lx

Julho 8, 2007

1 – Esta não faz parte mas é linda: então o Sr. Rui Veloso “Eu-não-visto-fatinho-nem-que-me-paguem” a meio da actuação com o Camané, vira-se para a camara e com uma mão aponta para o auricular e encolhe os ombros em estupefacção??

2 – O teleponto minúsculo dos apresentadores (também já notado durante as 7 maravilhas portuguesas devido aos cantores não saberem a letra das canções uns dos outros e andarem a semi-cerrar os olhos para ler melhor) / ausência de óculos do Ben Kingsley: efeito de olhos cerrados do apresentador o que lhe dá o direito de doravante nos referirmos a ele, carinhosamente, como o “cegueta”

3 – Desfazamento entre os vídeos dos candidatos e o discurso dos apresentadores (na de Portugal e na do Mundo)

4 – Os assistentes de produção que davam as instruções pelos auriculares: então não sabiam avisar o “cegueta” que o representante das Nações Unidas ainda não tinha chegado antes de ele o anunciar ao Estádio da Luz????

5 – O péeeeeeeeeeeeeeeeeessimo playback do José Carreras, que mostrou ser um óptimo ventríloquo além cantor

6 – A falta de chá do Joaquin “cortes”, que decidiu não dançar e mostrar a sua outra faceta: tocar jambé

7 – Chaka Khan como personagem do “Lost”, as in totally lost in “What a wonderfull world”

“Traque Bonus” – Os comentadores portugueses, que além de parecerem estar proibidos de comentar os deslizes da produção 3ª-mundista (concerteza com medo de despedimento eminente) ainda tentavam disfarçar com apartes ineptos…

As coisas boas:

1- JLo: Espectacolher!Fabulástico! Uma Senhora com S grande! Ela dá o significado à palavra Entertainer

2- A iniciativa, que moveu todo o mundo à sua volta: e uma salva de palmas para a nova votação aberta a partir de amanhã: As 7 maravilhas da Natureza. Um aplauso especial para o senhor alcaide do Perú: castiço!

3- Os fantásticos bailarinos, cantores e músicos menos conhecidos que actuaram durante o espectáculo.


para pensar…

Julho 4, 2007

Era uma vez uma velhinha tão boazinha, tão boazinha que quando morreu foi direitinha para o Céu e quando ia a passar pelos portões começou a flutuar e S. Pedro gritou-lhe: Depressa D. Maria! Diga MERDA senão entra em órbita!!!

Daqui podemos concluir que, ser bonzinho demais também não compensa!

(Este post não foi patrocinado pela Red Bull)


Tango argentino

Junho 22, 2007

easybuenosairescitycom.jpg (imagem de www.easytangocity.com)

Mais do que uma dança, é uma forma de arte.

Talvez uma das mais primitivas, em que dois corpos se unem e complementam e no entanto quando a música acaba, se afastam em direcções opostas. É assim o tango argentino, sem poses complexas ou coreografias memorizadas. Não é a dança certinha das matinés de família: é a dança de rua ou de um cochicho mal-iluminado. É algo em bruto, que flui da alma, no nosso inconsciente mais profundo transformando-se em movimento e graça.

tangoiii.jpg

 Mas melhor que escrever sobre ele, é dançá-lo… deixo algumas sugestões:

– Carlos Matias (Vila Galé Ópera – Alcântara, Lisboa) – milongas às 6as feiras à noite (aulas durante a semana)

www.tangopabailar.com/ (workshop em Tavira, a ter lugar em Julho 2007)

http://www.juanygraciana.eu/lisboa.html (Clube Ferroviário – R. de Sta Apolónia, Lisboa)

http://www.tangoportugal.com/ale/ (Teatro A Barraca – Santos, Lisboa)

Podem também pesquisar o site da Casa da América Latina em Portugal para mais escolas de tango e outros ritmos latinos.


provérbio

Junho 8, 2007

 .

“Quem tem três e gasta quatro depressa esvazia o saco”

[UK]: He that has but four and spends five, has no need of a purse 

[ES]: Donde hay saca y nunca pon, presto se acaba el bolsón

[FR]: Qui gagne bien et bien dépend n’a besoin bourse pour son argent

in Dicionário de Provérbios da CONTEXTO


Jardim do Mundo

Junho 8, 2007

 O Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian está com actividades durante este mês e o próximo. Consultem em: http://www.gulbenkian.pt/agenda_detalhe.asp?ID=1077&calendario=yes&day=31&month=05&year=2007